top of page

LIBERTAS QUAE SERA TAMEN



Basta uma breve corrida de olho em qualquer dicionário para saber que o significado da palavra evento está atrelado a definição de “qualquer acontecimento com propósitos específicos e organizado por pessoas especializadas”. Isso resume bem o que foi o primeiro Workshop Rodoviário, organizada em conjunto pelo DER mineiro e a ABDER.


Tendo como foco principal a tecnologia rodoviária e seus principais avanços, o encontro serviu para fortalecer os laços entre as duas entidades, assim como reforçar certas posições. Uma delas certamente foi destacada pelo Diretor-Geral do DER de Minas Gerais ao avaliar que: “Este encontro fortalece a área de infraestrutura do setor rodoviário, que é uma das mais demandadas pelo cidadão, sobretudo em Minas, que tem a maior malha rodoviária do Brasil, equivalente a cerca de 16% do somatório de rodovias estaduais, federais e municipais de toda a malha viária existente no país”. O mesmo ainda fez questão de enfatizar que estava seguindo uma diretriz do Governador Zema, afirmando que a busca pelo o que há de melhor para garantir obras em rodovias com trabalhos de qualidade e resultados duradouros seria feita de maneira incessante.

Durante todo a solenidade, o que se viu foi uma constante troca de conhecimentos e uma oportunidade para conhecer novas tecnologias, bem como inovações na área de infraestrutura rodoviária, além das semelhanças na gestão de rodovias em outras regiões, a busca por soluções dos problemas que muitos ali se identificaram. É possível que você, nosso nobre leitor, possa entender quão fidedigna são essas palavras, bastando escanear o QR Code presente aqui na matéria.


“Transformação digital em rodovias brasileiras”

Dentre as muitas e brilhantes palestras que o auditório do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais recebeu, Rodovias&Vias resolveu destacar essa, que foi conduzida por Flavio Hott, gerente de soluções da globalmente conhecida Huawei. Frisando e prezando sempre pela conectividade em todas as áreas presentes de uma rodovia, ele afirma que “com a tecnologia certa (CCTV) instalada nas câmeras, vamos poder detectar se um veículo está em contramão ou em alguma situação de emergência, de forma automática”. Esse monitoramento que vai servir como uma gestão de tráfico será de extrema importância para o bom funcionamento das vias.

Segundo ele, o futuro (já testado no presente) o usuário entraria na via e o celular já conectaria com um aplicativo no qual todas as informações, como o fluxo da rodovia, até mesmo informações sobre cidades históricas próximas ao seu local, estariam aparecendo na central de multimidia do seu veículo. O mais importante disso tudo seria a segurança. Bastaria emitir um alerta e a central já saberia exatamente em qual km você se encontraria, agilizando, portanto, o resgate. O gerente finaliza elogiando a Alemanha, dizendo que o país é referência no quesito conectividade das vias.


Vanguarda brasileira


Como bons mineiros e referência nacional quando o assunto é diagnose, assim como levantamentos de pavimentos, a STRATA Engenharia se fez presente palestrando no evento com o tema: Avaliação estruturada de pavimentos com soluções otimizada e levantamento com scanner 3D em BIM. Liderada por Valter Barrueco, Leonardo Bittencourt, Fernando S. Pena e Ana Luiza Cançado, a palestra de pouco mais de uma hora, como sempre é esclarecedora e deixa um conhecimento perene, calcado na característica vocação técnica e tecnológica de uma marca que há mais de 30 anos lidera o segmento de diagnose e levantamento de pavimentos na construção pesada. Como não poderia deixar de ser, um grande destaque foi o presidente da companhia, o magnético e carismático Paulo Gontijo, parceiro de longa data da Rodovias&Vias, que convidou todos a conhecer presencialmente todos os recursos inovadores, com seu típico e afável “mineirês”.


LIBERDADE AINDA QUE TARDIA


O significado da expressão acima é o mesmo do título dessa matéria. Não por coincidência, ela está presente na bandeira do estado que o evento em destaque ocorreu. Você pode encontrar ela ao lado triângulo equilátero vermelho, em um fundo branco. Naquele caso, ela representava um dos grandes marcos da história do Brasil, a inconfidência mineira. No campo semântico que nos cabe, falar sobre infraestrutura e suas necessárias mudanças, o I Workshop Rodoviário organizado pela Associação Brasileira dos Departamentos Estaduais de Estradas de Rodagem e Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais simbolizam um tema que tem se fazer presente em todos os eventos da área: a tecnologia rodoviária. Principalmente, como ela será usada para salvar vidas e melhorar a experiência do usuário na via.

11 visualizações0 comentário

Kommentare


bottom of page